Ribeira d’Ilhas ao rubro, consagra os Campeões Masters 2017

Decorreu este fim de semana o RIBEIRA MASTER CLASSIC, o Campeonato Nacional de Surf Masters nas categorias Masters + 35, Masters Feminino + 35, Grand Masters + 40, Kahunas + 45 e Grand Kahunas + 50.

 

Com o inicio de Outubro a fazer recordar os últimos anos com bastante sol, boas ondas, dias de praia de fazer inveja ao Verão, estiveram presentes vários ex-Campeões Nacionais e mutas outras referências do Surf Português.

 

Quanto à competição, no primeiro dia, o mar esteve maior com sets entre 1 e 1,5m, decorreram as primeiras fases das categorias Masters + 35 e Grand Masters + 40. Em grande destaque neste dia, com scores bastante altos, estiveram o José Gregório, o Jó Bento ou o Guga Gouveia a apresentarem um nível elevadíssimo de surf, fazendo recordar memoráveis performances durante a Liga da ANS.

 

Para o segundo dia, já com ondas ligeiramente mais pequenas, mas de maior qualidade, realizaram-se as meias-finais e finais de todas as categorias.

 

Nos MASTERS + 35, o José Gregório, em grande forma, conhecedor profundo da onda de Ribeira d’Ilhas, dominou esta categoria sagrando-se Campeão Nacional, deixando o André Dias (PPSC) em 2º, o David Luís (ASCC) em 3º e o André Almeida (ESC) em 4º.

 

Nos MASTERS FEMININOS +35, estiveram presentes 3 Atletas com larga História no Surf Nacional. Numa disputa bastante intensa pelo titulo Nacional, venceu a 11 X Campeã Nacional, Patricia Lopes (SCCS), fruto do score da sua última onda surfada na final. Em 2º lugar, também ela ex- Campeã Nacional, ficou a Teresa Abraços (Surf Addict), que apresentou um surf de back side de grande qualidade e em 3º lugar ficou a “Lendária” Té Ayala que nunca baixou os braços perante as suas oponentes.

 

Nos GRAND MASTERS + 40, o José Gregório sagrou-se também Campeão Nacional nesta categoria, numa muito emocionante disputa com o Jó Bento (SCP), o Guga Gouveia e o Pedro Barbudo (Wanted), respectivamente, 2º, 3º e 4º.

 

Nos KAHUNA + 45, o Pedro “Pirujo” Couto (SCP) com uma criteriosa escolha de ondas para a aplicar o seu back side, sagrou-se Campeão Nacional, numa final bastante disputada contra o Miguel Fortes (ESC), o Manuel “Necas” Mestre (CSF) e o Manuel Guerra (NCNN), 2º, 3º e 4º.

 

Nos GRAND KAHUNA + 45, o Pedro “Pirujo” Couto (SCP) renovou o seu titulo de Campeão Nacional, ao vencer esta final contra o Álvaro Botelho (ESC) em 2º, Henrique “Kika” Mata (ESC) em 3º e Té Ayala (PPSC) em 4º.

 

Este campeonato teve como Sponsors o Ribeira d’IlhasSurf & Restaurante Bar, 58 SURF, Ericeira Camping e Boardculture, o Apoio Institucional da Federação Portuguesa de Surf, Câmara Municipal de Mafra, a Junta de Freguesia da Ericeira, a Delegação Marítima da Ericeira, Ericeira WSR e WSCNetwork. Os Media Partner a Surf Total, MEO Beachcam, Azul Ericeira Mag, Jornais O Carrilhão e O Ericeira e a RCM.

 

Especiais agradecimentos ao Fotógrafo Gonçalo Forjaz Trigueiros aos Troféus KOGIA e a todo o Staff presente.

Share This Post On