A sua língua:

Hugo Santos campeão nacional na despedida da competição

S.Pedro do Estoril foi o cenário escolhido para a quinta, e final, etapa do Circuito Nacional de Skimboard 2012, mas também para o final de uma era, com a conquista do segundo título consecutivo de Hugo Santos e a sua despedida da competição.

 

\"Tinha decidido que este seria o último ano e isso acabou por colocar grande pressão sobre mim e dificultar ainda mais o meu percurso neste Nacional. Isso e o facto de ter tido o Eduardo Joaquim a disputar este último título comigo, pois é alguém por quem nutro uma grande amizade e respeito como competidor\", confessou Hugo Santos, de 33 anos.

 

Curiosamente, o tão aguardado duelo com Eduardo Joaquim acabou por não se verificar, já que o atleta da ACRV não passou os quartos-de-final, eliminado por Afonso Ruiz, que haveria, de resto, de chegar à final com Hugo Santos.

 

O abandono de Hugo Santos, insistimos, marca o final de uma era no skimboard nacional, mas o atleta do Skim Clube do Norte explica a sua decisão com algum desencanto à mistura:

 

\"Infelizmente, o skimboard tem vindo a perder muito peso ao longo dos anos e optei por assumir outras prioridades: a família e outros projectos pessoais. É evidente que nunca deixarei o skimboard e até posso voltar a competir em algumas provas, mas não a nível nacional. A partir de agora, será unicamente pela diversão.\"

 

No balanço desta última etapa, Hugo Santos selou o título nacional com a vitória em S. pedro do Estoril derrotando Afonso Ruiz na final. Nas contas da categoria Open do Circuito Nacional, Eduardo Joaquim terminou em segundo, Diogo Abrantes em terceiro e o jovem Afonso Ruiz em quarto.

 

Na categoria feminina, também Sofia Lopes defendeu com sucesso o título do ano passado, sagrando-se pentacampeã nacional feminina ao vencer esta etapa em S.Pedro, vencendo na final a agora vice-campeã Maria Inês Fontain.

 

\"Foi uma vitória complicada pois as condições não eram as melhores, com muito vento e maré muito vazia\", contou a skimboarder do Clube Recreativo e Cultural da Quinta dos Lombos que, todavia, assume que mais este título lhe soube muito bem:

 

\"Os títulos sabem cada vez melhor e este ano evoluí muito. Infelizmente, o balanço do circuito não é o melhor porque as coisas estã mais difíceis para os atletas, com menos condições para o cumprir. O que é irónico pois, pelo contrário, a qualidade dos atletas nacionais é cada vez maior e têm mais condições para ir representar o nosso país internacionalmente.\"

 

Entretanto, em sub-18, o vencedor desta quinta e derradeira etapa foi Diogo Abrantes, o que também lhe valeu o título Nacional.

 

Em sub-16, o talentoso Afonso Ruiz levou o título, apesar de a vitória na etapa ter pertencido a Bernardo Lopes, o segundo classificado nas contas do título.

 

Em sub-14, Diogo Couceiro venceu a etapa, mas não conseguiu melhor que o título de vice-campeão, ficando os louros deste escalão para João Luz, do Surf Clube de Sesimbra.

 

 

 

Cartão de Federado 2014
Apoios